Alcançando o mundo em família

Alcançando o mundo em família

Durante suas viagens, Paulo plantou igrejas, fez discípulos e abençoou diversas famílias. Uma dessas famílias ficou registrada nas Escrituras como uma família de Fazedores de Tendas. Eles viveram o Evangelho de tal forma que até hoje são um modelo perfeitamente reproduzível de família cristã.

Continuar lendo

Porque Paulo trabalhou tanto, quando havia um Mundo a ganhar?

Ele sabia que suas horas no local de trabalho iriam acelerar a sua missão. Três principais razões bíblicas de Paulo estão em 1 Coríntios – 9 e 2 Tessalonicenses – 3.

  1. O trabalho dá credibilidade a Paulo e à sua mensagem. Ele prega o Evangelho incansavelmente, sob severa perseguição, e para nenhum ganho financeiro, convence até mesmo os inimigos de que ele é sincero e que sua mensagem é verdadeira.
  2. O trabalho ajuda a identificação de Paulo com as classes trabalhadoras, que compõem a maior parte do Império Romano. Só eles podem levar o Evangelho para suas aldeias de língua não-grega nos locais mais remotos. Consequentemente, regiões inteiras foram rapidamente ganhas!
  3. O trabalho mostra Paulo como exemplo para os convertidos: o discipulado; o viver piedoso em uma sociedade idólatra imoral; uma ética bíblica no trabalho, essencial para famílias e igrejas fortes, e um evangelismo leigo não remunerado, para o crescimento exponencial da igreja!

Todos os convertidos precisam difundir o Evangelho! Fazer Tendas era um princípio inegociável na estratégia de Paulo. Inicialmente, as igrejas de Paulo nunca viram um trabalhador, religioso, profissional pago. Evangelismo leigo e não pago era o padão na igreja primitiva. É assim que Paulo podia dizer que ele havia pregado o evangelho por toda a metade oriental de língua grega do Mediterrâneo para que ele não tivesse  mais nenhuma sala para entrar nessas regiões. Ele plantou igrejas de auto-propagação,  auto-multiplicativas, que foram penetrando toda a região com o evangelho.

Globalopps.org

O Fazedor de Tendas pode plantar igrejas?

É o ideal! O Evangelismo leva a estudos bíblicos em casa, que levam a igrejas domésticas.
Stan, por exemplo, começou duas igrejas no Brasil enquanto trabalhava como patologista de plantas. Como ele muitos outros estão fazendo isso em áreas restritas, onde apenas Fazedores de Tendas podem ir. Às vezes, quando chegam a estas áreas, eles encontram crentes secretos que foram ganhos pela TV por satélite e pelo rádio ou pela WEB!